terça-feira, 9 de abril de 2013

Studio Ghibli

Oi, galere


É engraçado como nas férias você tem que inventar o que fazer... chega uma hora em que atualizar o facebook não supre mais suas necessidades vitais. Nestes momentos, você se pega fazendo algo assim:

Destroçando uma pequena mexerica indefesa, picotando sua vestimenta de forma cruel e desumana


 Entretanto, eu até que tenho feito bom uso desses dias de descanso. Uma das atividades que mais tenho tido prazer, além de sair com o namorado e cia, é assistir filme em casa. Mas não qualquer filme. Estou me referindo aos filmes do Studio Ghibli!






Até então, eu não havia assistido o famoso "A Viagem de Chihiro", vencedor do Oscar de melhor animação de 2003. Por conveniência, decidi baixar, já que passei por momentos em que tive que me excluir de  discussões sobre o filme para não levar spoiler. Na verdade, eu nem estava com tanta vontade de ver, mas minha perspectiva mudou completamente após 10 minutos de filme. Quanto mais avançava, mais me sentia  como uma criança novamente, sendo levada a um universo mágico e surreal. O filme consegue passar uma pureza e um sentimento nostálgico que fazia tempos que não sentia. Sabe quando você se sente feliz por algo pequeno, como se tudo ao redor fosse ínfimo perto daquele momento especial? É, eu tenho uns parafusos a menos, mas foi assim que me senti em boa parte do filme.

Sinopse: Chihiro é uma garota de 10 anos que acredita que todo o universo deve atender aos seus caprichos. Após saber através de seus pais que estarão mudando de cidade ela fica furiosa, sem fazer nenhum esforço para esconder sua raiva. Em meio a lembranças de seus amigos que terá que deixar, Chihiro percebe que seu pai se perdeu no caminho para a nova cidade onde irão morar, indo parar defronte um túnel aparentemente sem fim que é guardado por uma estranha estátua.




Após o encanto deste, dei uma chance para "Karigurashi No Arrietty", outro filme do estúdio, com uma história muito fofa. Achei bem gostoso de assistir, mas não é um filme com muitas reviravoltas e possui uma trama relativamente simples. A trilha sonora é espetacular, e acabei decorando a "Arrietty's song", capturada por sua leveza. Não é um filme "forte", mas talvez não tenha sido essa a intenção do criador. Posso resumi-lo como "adorável".

Sinopse: "Baseado na série de livros da autora Mary Norton, mostra a vida de pequenos seres, com 10 centímetros de altura, que moram embaixo do assoalho de uma casa. A protagonista é Arrietty, uma garota de 14 anos que é descoberta por um menino humano. Nos livros, a trama se passa na Inglaterra, nos anos 50, e no filme, como em todas as animações de Miyazaki, ocorre em Tóquio, nos dias atuais. "




Assisti também "O Castelo Animado" e este é simplesmente SENSACIONAL; dos três, o meu favorito. Eu fiquei extremamente envolvida e apaixonada pelos personagens, principalmente pela principal. Eu não tenho palavras para descrever como me senti, mas passei por todos os sentimentos possíveis durando o desenrolar da história. Tem guerra, romance, magia, é completamente perfeito, em cada possível detalhe.

Sinopse: "Graças a uma maldição, a jovem Sophie transforma-se numa velha senhora. Incapaz de continuar trabalhando na loja de chapéus de sua mãe, ela passa a morar no castelo do notável bruxo Howl e faz amizade com o demônio de fogo Calcifer, que está ligado a Howl por meio de um contrato. Calcifer e Sophie, então, prometem ajudar-se mutuamente – ele quebrará a maldição, e ela o ajudará a fugir do castelo. Entretanto, Howl percebe que Sophie está amaldiçoada e várias reviravoltas vão acontecendo.



Hoje pretendo assistir o tão recomendado "Túmulo dos Vaga-lumes" e continuar meu desbravamento pelos títulos desse estúdio. Portanto, vocês verão, mais para frente, outros posts como este :3 Meu blog também é cultura, tá? Todos os filmes assisti pelo Anitube, de onde tirei as sinopses também.

Aproveitei, também, a tarde de hoje para fazer um vídeo para o vlog. Vou ver se consigo editá-lo e postá-lo amanhã para a festança da pátria -not.

É isso, gente, acabei fazendo um post totalmente diferente do que pretendia, mas tive que compartilhar meu amorzinho por estes filmes ;o;  O meu namorado ainda me deu o dvd da "Viagem de Chihiro" sem nem saber dessa minha paixão ç_ç  NÃO É UM LINDO? Fiquei muito feliz, vocês não tem noção.


Até o próximo post <3

6 comentários:

  1. Depois de Túmulo a gente conversa

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post... mas vc foi cruel ao: destroçar uma pequena mexerica indefesa, picotando sua vestimenta de forma cruel e desumana. aushaushaushuahs

    ResponderExcluir
  3. Sim, haha depois do Tumulo a gente conversa...

    Eu ainda não vi "Howl"... Vou corrigir isso esse final de semana, você me incentivou rss

    ResponderExcluir
  4. omfg, vc ainda non tinha assistido A Viagem de Chihiro? HEREGE! 8DD (mas não posso falar muito, tem vários filmes que eu sou um ET por não ter visto ainda... ;-; tipo Tonari no Totoro!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, sou uma pecadora TOT Mas agora estou mais inteirada nos clássicos, gastando minhas horinhas de folga assistindo-os. Tonari no Totoro está na lista! Só não vejo hoje porque estava ansiosa para assistir Princesa Mononoke XD

      Excluir
  5. oi ,fuçando e olhando por ai achei seu blog ,e achei legal o as informações q vc passou ,amo os filmes do studio ghibli por isso ta aqui um link com todas as animações do Studio para baixar ,aproveite !http://cinebelasartesnanet.blogspot.com.br/2012/10/estudio-ghibli.html

    ResponderExcluir